O presidente Jair Bolsonaro divulgou na manhã deste sábado (09) um vídeo em suas redes sociais em que exalta o ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro e credita ao ex-juiz sua eleição para a Presidência da República.

“Se essa missão dele [Moro] não fosse bem cumprida, eu também não estaria aqui. Então, em parte, o que acontece na política do Brasil devemos a Sérgio Moro. Se for comparar com uma corrente, talvez o elo mais forte dessa corrente: a honestidade”

Ne legenda do vídeo, o presidente Bolsonaro usou o termo “canalha” em uma referência indireta ao ex-presidente Lula, solto nesta sexta-feira (08). “Amantes da liberdade e do bem, somos a maioria. Não podemos cometer erros. Sem um norte e um comando, mesmo a melhor tropa, se torna num bando que atira para todos os lados, inclusive nos amigos. Não dê munição ao canalha, que momentaneamente está livre, mas carregado de culpa”, escreveu Bolsonaro.