Torcedora símbolo do Cruzeiro, Maria Salomé da Silva, de 86 anos, foi agredida por integrantes de uma torcida organizada do Atlético, na noite dessa terça-feira (03), em Betim. Salomé deixava o Ginásio Divino Braga após avitória da equipe celeste sobre o Zenit Kazan, pelo Mundial de Clubes de Vôlei, quando sofreu ataques dos torcedores atleticanos, de acordo com a ocorrência da Polícia Militar.  

Além de Salomé, uma jovem de 15 anos foi agredida. Ela está hospitalizada na UPA Norte, em Belo Horizonte. Salomé já recebeu alta médica. 

Segundo a ocorrência policial, membros da organizada do Atlético chegaram à porta do ginásio em três carros. Eles agrediram a jovem e a senhora com pauladas até a intervenção de torcedores do Cruzeiro que deixavam o ginásio depois da partida de vôlei. 

Os agressores fugiram do local.