01/07/2019 06:53

Secretário de Fátima diz que dono da OAS foi "torturado" para incriminar Lula

Secretário de Fátima diz que dono da OAS foi "torturado" para incriminar Lula

O secretário estadual para Gestão de Projetos e Metas do Governo do Rio Grande do Norte, o ex-deputado estadual Fernando Mineiro (PT), disse que o empreiteiro Léo Pinheiro, proprietário da OAS, "foi torturado" para incriminar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em sua delação premiada.

"A edição da Folha de São Paulo só confirma que o Léo Pinheiro foi torturado (é a palavra q melhor traduz o que aconteceu) pelo Moro e sua turma até dar o depoimento que serviu de base pra condenar o Lula", disse Mineiro.

O secretário da governadora Fátima Bezerra faz referência aos mais recentes vazamentos de diálogos entre procuradores da Lava Jato, publicados pela Folha de São Paulo. Segundo a matéria, os procuradores desconfiaram do empreiteiro durante quase todo o tempo em que se dispôs a colaborar com as investigações, e só teria ganhado crédito após mudar a narrativa sobre o triplex do Guarujá, incriminando Lula.

Receba as principais notícias do Portal Grande Ponto direto no Whatsapp. Clique aqui e peça para ser incluído em nossa lista de transmissão!

Leia mais:

Secretário de Fátima suspeita de plano colombiano para destruir educação do país

"Vamos arrumar a casa e superar essa crise", diz secretário de Fátima

MAIS ACESSADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS