Kolberg Luna

01/08/2019 17:21

A BENÇÃO, JOÃO DE DEUS...

A BENÇÃO, JOÃO DE DEUS...

Em 1980, durante a realização do X Congresso Eucarístico Nacional, os brasileiros receberam pela primeira vez um Papa no país. Naquele ano, o Maracanã recebeu 101.199 pagantes em um domingo em que Fluminense e Vasco decidiram o título do 1º turno do Campeonato Estadual em jogo-extra. Houve empate de 1x1 no tempo normal, que persistiu na prorrogação. Enquanto se esperava a cobrança de pênaltis, a torcida tricolor começou a cantar:

“A benção, João de Deus/Nosso povo te abraça/Tu vens em missão de paz/Sê bem-vindo/E abençoa este povo que te ama”.

A música era em homenagem ao Papa João Paulo II, de autoria de Péricles de Barros, cantada por Luiz Gonzaga e que saudava o líder católico. A música tornou-se um hit naquele ano. Não há como provar a interferência divina, mas o goleiro tricolor Paulo Goulart defendeu duas cobranças e o Flu venceu por 4x1. A partir desse momento o hino nunca mais deixou de ser cantado pela torcida tricolor. Em 2010, o polonês Karol Wojtyla, o Papa João Paulo II, foi oficializado como padroeiro do clube das Laranjeiras, ao lado de Nossa Senhora da Glória.

Créditos de Imagens e Informações para criação do texto: “1981: o ano rubro-negro (Eduardo Monsanto); site: www.flunomeno.com