20190814172337JlRF4Y.jpg

14/08/2019 17:21

'Vamos acabar com o cocô no Brasil: comunistas e corruptos', dispara Bolsonaro

Fotos: Antonio Cruz/ Agência Brasil)

'Vamos acabar com o cocô no Brasil: comunistas e corruptos', dispara Bolsonaro

presidente Jair Bolsonaro (PSL) recorreu novamente ao expediente de frases polêmicas em seus discursos para ressaltar ideias. Em agenda na manhã desta quarta-feira na cidade de Parnaíba, no Piauí, ele fez um trocadilho usando as palavras comunistas e corruptos para criticar integrantes de partidos de esquerda. “Vamos acabar com o cocô no Brasil: comunistas e corruptos”, afirmou. Na sequência, o mestre de cerimônias da festa anunciou a execução do Hino Nacional.

Pouco antes, Bolsonaro discursava para uma plateia de apoiadores e personalizou as críticas ao Partido dos Trabalhadores e reforçou a ideia de acabar com a legenda no país.

“Vamos acabar com o cocô do Brasil. O cocô é essa raça de corruptos e comunistas. Vamos varrer essa turma vermelha do Brasil. Já que na Venezuela está bom, vou mandar essa cambada para lá. Quem quiser um pouco mais para o norte, vai até Cuba”, afirmou Bolsonaro, sendo ovacionado pelos que acompanhavam aos gritos de "mito"

Na sexta-feira da semana passada, o presidente já tinha recorrido ao expediente escatológico ao sugerir a um repórter que alternasse o dia em que fizesse as necessidades fisiológicas.

“É só você deixar de comer menos um pouquinho. Você fala para mim em poluição ambiental. É só você fazer cocô dia sim, dia não, que melhora bastante a nossa vida também”, afirmou ao deixar o Palácio do Alvorada acompanhado do ministro da Justiça, Sérgio Moro.

PUBLICIDADE

MAIS ACESSADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS