Há 78 anos, no dia 11 de dezembro de 1941, começava a guerra em Natal antes mesmo do Brasil declarar oficialmente. Neste mesmo dia, chegava a cidade o esquadrão da United States Navy “VP-52”, ocupando a área onde seria construída a popular Rampa, em Santos Reis. Tratava-se do primeiro esquadrão operacional a chegar com a missão de proteger a costa dos temíveis U-boats e alguns fatos curiosos.

O primeiro deles diz respeito ao ataque de Pearl Harbor, que colocou os Estados Unidos definitivamente na Segunda Guerra Mundial. Tal ataque ocorreu em 7 de dezembro, ou seja, quatro dias antes do desembarque em Natal, o que leva a crer em um planejamento norte-americano antes mesmo do ataque no Pacífico.

Outro ponto curioso e de muita confusão é que o esquadrão foi deslocado antes da entrada dos EUA e do Brasil na Segunda Guerra. A viagem da Flórida para Natal demoraria em torno de uma semana, então colocaria as aeronaves em voo durante o ataque. Já o Brasil romperia relações com a Alemanha apenas em janeiro de 1942.

De fato, os militares americanos se encontravam na cidade desde abril de 1941, porém, estavam disfarçados de técnicos e funcionários do ADP – Airport Development Program – que estava construindo as pistas de pouso em Parnamirim e as instalações da U.S. Navy, às margens do Rio Potengi. Quando houve a declaração americana e o rompimento brasileiro das relações com o Eixo, parte desses civis apareceram fardados.