O Instituto Seta divulgou nesta quinta-feira (13) a primeira pesquisa eleitoral para a Prefeitura do Natal em 2020. Em dois cenários distintos, em que o candidato do PT à prefeitura seja ou o senador Jean Paul Prates ou o ex-candidato a senador Alexandre Motta, o partido da governadora Fátima Bezerra sequer ultrapassa a margem de erro, que é de 3,5%.

De acordo com a pesquisa, quando o nome apresentado aos entrevistados é o do senador Jean Paul Prates, ele alcança apenas 1,1%. Já com o nome de Alexandre Motta o desempenho é ainda pior, chegando a apenas, 0,4% das intenções de votos.

Um dos nomes mais cortejados pelo PT para a disputa pela Prefeitura do Natal é o da deputada federal Natália Bonavides, que já disse que não deseja participar do pleito como candidata, apesar da insistência da legenda.

NÚMEROS

No cenário em que Jean Paul Prates é o candidato pelo PT, o prefeito Álvaro Dias lidera com 15,9% das intenções de voto. Em seguida aparecem o deputado estadual Kelps Lima (6,4%); o comunicador Bruno Giovanni (BG) e o deputado estadual Sandro Pimentel, ambos com 5,9%; além do professor Carlos Alberto com 4%.

Os demais nomes não superaram a margem de erro. Foram eles: Hermano Morais (2,6%), Eudiane Macedo (1,7%), Jean Paul Prates - como candidato do PT (1,1%), General Girão 1%), Coronel Azevedo (0,6%) e Karla Veruska com 0,4%.

O total de indecisos foi de 17% e o dos que responderam que pretendem votar em branco ou nulo foi de 37,6%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 5 e 6 de fevereiro com 700 eleitores de todas as zonas eleitorais de Natal. O intervalo de confiança (nível de significância) é de 95% com margem de erro de 3,5% para mais ou para menos. Toda a pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o número RN-02069/2020.

LEIA MAIS:

Prefeitura do Natal: Álvaro lidera pesquisa, seguido por Kelps, BG e Sandro

Pesquisa: Álvaro é o mais rejeitado; BG e Carlos Alberto têm menor rejeição