23/07/2019 17:58

Fátima apresenta plano para aplicar R$ 80 mi do Governo Bolsonaro para segurança

Fotos: Elisa Elsie

Fátima apresenta plano para aplicar R$ 80 mi do Governo Bolsonaro para segurança

O Governo do Estado, através da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), apresentou nesta terça-feira (23) o plano de aplicação de R$ 80 milhões oriundos do convênio firmado com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp).

O valor será destinado aos diversos setores e órgãos da Sesed e foram assim destinados:

Polícia Militar - R$ 29.977.330,89 milhões

 - Investimentos: coletes balísticos; viaturas; armas; escudos balísticos, entre outros equipamentos.

 

Polícia Civil - R$ 12.209.780,77 milhões

- Investimentos: armas; viaturas; escudos balísticos; tecnologia.

 

Corpo de Bombeiros Militar - R$ 6.110.615,00 milhões

- Investimentos: viaturas

 

Sesed/Centro de Inteligência - R$ 2,877 milhões

Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP) - R$ 1,928 milhões

Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPAER) - R$ 21,777 milhões

Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR) - R$ 5 milhões

Capacitação de PM para o programa Polícia de Proximidade - R$ 297 mil

A governadora Fátima Bezerra destacou que nos primeiros seis meses do Governo foram 365 mortes e menos no RN, resultado do trabalho da Segurança Pública do RN. Além disso também no primeiro semestre de 2019, o RN foi um dos quatro estados do país que mais conseguiram reduzir a violência.

“Estes são resultados concretos do trabalho do Governo que dialoga, tem compromisso e age com transparência. E quem ganha é a população”, disse Fátima Bezerra, acrescentando: “reconheço o esforço e a dedicação dos operadores da segurança pública e tenho certeza que vamos proporcionar a população um melhor serviço de segurança pública e paz para avançar social e economicamente".

Além do convênio no valor de R$ 80 milhões, a administração estadual deve dispor de R$ 40 milhões das emendas parlamentares impositivas. Estes recursos devem ser liberados pelo Governo Federal até o final do ano para serem investidos no aparelhamento e condições de trabalho dos órgãos do sistema de segurança pública.

PUBLICIDADE

MAIS ACESSADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS