Sobre Rodas

Ford tem recall com mais de 140 mil veículos por risco de incêndio

Ford tem recall com mais de 140 mil veículos por risco de incêndio

A Ford convocou os proprietários de 143.514 unidades dos modelos Ka hatch e sedã por risco de curto-circuito e incêndio. 

Os clientes precisam fazerm um agendamento em uma concessionária, a partir de 22 de julho, para a instalação de isolamento e de clipe de retenção do sistema de monitoramento da bateria e, caso seja necessário, o chicote também será substituído.

Segundo a Ford, durante o processo de instalação da bateria no veículo, o chicote do sistema de monitoramento da bateria pode ter sido montado de forma incorreta e ter ficado preso entre a bateria e o seu respectivo suporte, havendo o risco de esmagamento e dano desse chicote, hipótese em que poderá ocorrer um curto circuito com risco de incêndio no compartimento do motor do veículo, podendo resultar em danos fisícos aos ocupantes do veículo e terceiros.

O recall afeta veículos produzidos de 11 de junho de 2018 até 15 de maio de 2019.

Veículo, Modelo e Chassis (8 últimos dígitos):

Ford Ka Hatch e Sedan 2018 Chassis de J8159050 até K8206504

Ford Ka Hatch e Sedan 2019 Chassis de K8164645 até K8366999

Clube de Carros Antigos do RN comemora 17 anos

Fotos: Reprodução/Facebook

Clube de Carros Antigos do RN comemora 17 anos

O Clube de Carros Antigos do RN (CCARN) comemorou o 17º aniversário neste sábado (06) com uma reunião especial no Largo do Atheneu. O grupo mantém vivo o charme e a elegância, cultuando a memória do automobilismo através das gerações.

O CCARN foi fundado em 04 de julho de 2002 por um grupo de potiguares apaixonados por carros antigos. O clube potiguar é filiado à Federação Brasileira de Veículos Antigos – FVBA.

Vida longa ao CCARN!

Venda de veículos tem alta de 13,45% no semestre

Fotos: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Venda de veículos tem alta de 13,45% no semestre

A venda de veículos automotores registrou alta de 13,45% no primeiro semestre de 2019 em comparação a igual período do ano anterior. Segundo dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), 1.919.047 unidades foram licenciadas de janeiro a junho de 2019, ante 1.691.532 unidades comercializadas no mesmo período do ano passado.

As vendas levam em conta automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus e motocicletas. No mês de junho foram emplacados 316.475 veículos, 11,71% abaixo do volume registrado no mês de maio de 2019, quando 358.456 unidades foram licenciadas. Na comparação com junho de 2018, mês que registrou 287.697 unidades emplacadas, a alta é de 10%.

Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, o desempenho negativo no mês de junho se deve aos dias úteis a menos. "Tivemos 19 dias úteis em junho contra 22 dias úteis em maio, ou seja três dias úteis a menos. Essa redução de três dias úteis provocou uma que a de 11,71% no setor como todo em Junho, porém as vendas diárias no mesmo período cresceram 2,23%", comemorou.

Já o resultado positivo no semestre está relacionado ao período sem eventos adversos. "No acumulado o crescimento chegou a 13,45%, mas no primeiro semestre do ano passado fomos afetados pela greve dos caminhoneiros e pela Copa do mundo de futebol que impactaram as vendas do setor", relembrou o presidente da Fenabrave.

Blogs

Natal tem noite chuvosa com trovões e relâmpagos