P-47 Aviação e História

11/12/2019 08:11

Há 78 anos a guerra começava em Natal

Há 78 anos a guerra começava em Natal

Há 78 anos, no dia 11 de dezembro de 1941, começava a guerra em Natal antes mesmo do Brasil declarar oficialmente. Neste mesmo dia, chegava a cidade o esquadrão da United States Navy “VP-52”, ocupando a área onde seria construída a popular Rampa, em Santos Reis. Tratava-se do primeiro esquadrão operacional a chegar com a missão de proteger a costa dos temíveis U-boats e alguns fatos curiosos.

O primeiro deles diz respeito ao ataque de Pearl Harbor, que colocou os Estados Unidos definitivamente na Segunda Guerra Mundial. Tal ataque ocorreu em 7 de dezembro, ou seja, quatro dias antes do desembarque em Natal, o que leva a crer em um planejamento norte-americano antes mesmo do ataque no Pacífico.

Outro ponto curioso e de muita confusão é que o esquadrão foi deslocado antes da entrada dos EUA e do Brasil na Segunda Guerra. A viagem da Flórida para Natal demoraria em torno de uma semana, então colocaria as aeronaves em voo durante o ataque. Já o Brasil romperia relações com a Alemanha apenas em janeiro de 1942.

De fato, os militares americanos se encontravam na cidade desde abril de 1941, porém, estavam disfarçados de técnicos e funcionários do ADP – Airport Development Program – que estava construindo as pistas de pouso em Parnamirim e as instalações da U.S. Navy, às margens do Rio Potengi. Quando houve a declaração americana e o rompimento brasileiro das relações com o Eixo, parte desses civis apareceram fardados.

06/12/2019 08:00

O Dornier Do X

O avião foi projetado pelo alemão Claudius Dornier, que também era autor do projeto do Dornier J Wal, avião muito utilizado pelos alemães da Lufhthansa / Syndicato Condor, que operavam em Natal, às margens do Rio Potengi. A base de operações do Syndicato Condor ficava onde hoje se encontra o 17º Grupamento de Artilharia e Campanha (17GAC), mas isso é assunto para outro post.

Em 1930, com a intenção de vender o projeto para outros países, a empresa fabricante Dornier Flugzeugwerke promoveu, com apoio do governo alemão, uma viagem pela América, partindo da Europa e passando pela África. Após muitos problemas e alguns acidentes, em junho de 1931 o Dornier Do X amerissa no Rio Potengi.

Foto com autógrafo do português Gago Coutinho - Fonte: Acervo do Autor

Entre os passageiros e observador do voo estava o piloto português Gago Coutinho, famoso na aviação da década de 1920 por ter feito um raid entre a Europa e o Brasil, no mesmo período das primeiras travessias aéreas sobre o Atlântico. Ele foi um dos convidados da família Machado, no jantar em homenagem à tripulação do Do X, que era comandado pelo ex-oficial alemão aviador  naval e herói da Primeira Guerra Mundial, Friedrich Christiansen, , e Fritz Hammer, também ex-oficial aviador naval e diretor do Syndicato Condor.

Em diversos artigos que encontramos na internet, tratam a chegada do avião a Natal, em 18 de junho de 1931. Entretanto, um cartão autografo dado a família Machado por Gago Coutinho, está datado em 14 de junho de 1931. Enfim, não resta dúvida que a cidade norte-rio-grandense marcou mais uma vez sua participação na história da aviação.

Foto rara do Do X em Natal, cedida ao blog por pesquisador brasileiro.

A AERONAVE

O Dornier Do X chamava atenção algumas coisas, em nossa opinião. Primeiro o seu tamanho, totalizando 48 metros de envergadura. Por último, os 12 motores montados sobre a asa, que davam força para levantar voo com suas 56 toneladas e até 100 passageiros.

CURIOSIDADE

Apesar do seu tamanho imponente e provável sucesso de projeto, apenas três unidades do Dornier Do X foram fabricados. Dois delesm, X2 e X3, foram vendidos e utilizados pela Regia Aeronautica Italiana. O original, de matrícula D-1929, retornou a Alemanha e foi colocado no Museu da Aviação de Berlin, o qual foi bombardeado durante a segunda guerra, destruindo parte de seu arcevo, inclusive o Dornier Do X.

Detalhe do mapa que estava no Museu da Aviação Alemã em Berlin, com a rota do Dornier Do X passando por Natal

Veja Também:

O Dornier Do X em Natal

Referência:

05/12/2019 14:47

[Vídeo] O Dornier Do X em Natal

Nos últimos dias, temos recebido nas redes sociais o vídeo do Dornier Do X, tido como o maior avião de passageiros à época, pousando em Natal, na década de 1930. Pode parecer novidade, mas desde o início da aviação com fins comerciais, seja por correspondência ou de passageiros, Natal esteve na rota dos mais modernos e maiores aeronaves, entre elas o Dornier Do X.

02/12/2019 08:36

Liberator PB4Y "Baker 12"

Liberator PB4Y "Baker 12"

Depois que postamos sobre a releção entre Natal, as manchas de óleo e os fardos de borrachas que aparceram nas praias do Nordeste, recebemos algumas contribuições para dar continuidade ao assunto. Uma delas foi a foto do avião PB4Y Liberator VB-107-B-12, o "Baker 12", que caiu no mar matando dez tripulantes.

*O conteúdo deste blog não representa necessariamente a opinião do portal.