Cultura no Ponto

Marcelo Miranda lança novo CD autoral "Do Modão ao Piseiro"

Marcelo Miranda lança novo CD autoral "Do Modão ao Piseiro"

Autor de “Vou Cair na Bebedeira”, o músico, cantor e compositor Marcelo Miranda lançou neste mês de março o seu novo CD autoral. Intitulado “Do Modão ao Piseiro”, o novo álbum é formado por uma mistura do sertanejo com o piseiro, ritmo que vem fazendo sucesso no Nordeste. O trabalho está agradando muito aos fãs e baladeiros de todo o Brasil.

Marcelo começou a carreira aos 15 anos como vocalista do Grupo Liberdade. Logo em seguida seguiu carreira solo, fazendo shows nos melhores bares de São Paulo. Em 2012, o cantor fez a sua primeira turnê no Nordeste, começando pelo Ceará, onde em três meses realizou inúmeros shows e participou de uma das festas mais tradicionais da região, o “Tejubode”.

Um dos seus principais sucessos, o hit “Vou Cair na Bebedeira”, ganhou repercussão nacional através dos programas "A Tarde é Show", com Nani Venâncio, e também no "Em Revista", com Eve Sobral.

Paulista de nascimento, Miranda adotou Natal, capital do Rio Grande do Norte, como a sua cidade do coração, onde está morando desde que gravou o clipe da música “Vou Cair na Bebedeira”. Em 2020, ano desafiador para todos com a pandemia da Covid-19, o cantor se aproximou ainda mais dos seus fãs na internet com a realização de lives e produção de novas músicas.

Para acompanhar o trabalho de Marcelo Miranda nas redes sociais, é só acessar o instagram @marcelomirandaf e o canal do Youtube @marcelomiranda.

Restaurante da seridoense Clija Chait é destaque em série da Netflix

Fotos: Wonho Frank Lee

Restaurante da seridoense Clija Chait é destaque em série da Netflix

A plataforma de streaming mais popular no Brasil e do mundo conta com uma nova série em seu catálogo, Bling Empire, que mostra a rotina de asiáticos que levam uma vida de luxo e riqueza em Los Angeles.

O restaurante Tesse, da seridoense Clija Chait e do seu esposo Bill Chait, tem como especialidade a culinária francesa moderna e aparece no oitavo episódio da série.

Fundado há três anos, o Tesse tem à frente da sua cozinha Raphael Francois, chef renomado que já conquistou duas estrelas Michelan*.

Para Clija, a exposição da marca está sendo muito positiva, principalmente neste período de pandemia. “Muitas pessoas que residem ou viajam para Los Angeles e veem o nosso restaurante não sabem que ali temos uma área externa. A aparição do Tesse na série da Netflix trouxe mais interesse de pessoas em conhecerem o restaurante e que acabaram se tornando clientes”, destacou Clija.

Christine Chiu, uma das protagonistas da série que se tornou amiga pessoal de Clija, tem ligação direta com a realeza chinesa. Uma das mais glamourosas do elenco, Christine tem uma clínica de estética em sociedade com o marido, o cirurgião plástico Gabriel Chiu.

A série Bling Empire (Império da Ostentação) estreou a primeira temporada de oito episódios em 15 de fevereiro deste ano.

 

Sobre Clija

Nascida em Currais Novos e criada no município de Cerro Corá, aos 18 anos Clija foi morar em Natal, onde teve suas primeiras experiências de trabalho na área da gastronomia. Aos 24 anos se mudou para São Paulo, onde enriqueceu sua carreira no ramo e iniciou sua trajetória como empresária. Na época, trabalhou na administração e gestão de restaurantes italianos.

Em 2016, foi viver em Los Angeles e iniciou sua carreira no ramo de pequenos eventos para estrelas. Junto ao seu marido, o restauranteur de sucesso Bill Chait, Clija construiu um império de restaurantes hoje reconhecidos internacionalmente. 

 

 

*Estrela Michelan é o principal indicador para restaurantes e chefs. É a maior honraria e reconhecimento de excelência e pode colocar profissionais e empresas no mapa da gastronomia mundial.

Galeria seleciona até amanhã (5) fotos para exposição

Fotos: Divulgação

Galeria seleciona até amanhã (5) fotos para exposição

O Toca Coworking está selecionando fotografias ou coleções fotográficas com até 12 imagens para serem exibidas numa galeria do espaço que está localizado no bairro de Lagoa Nova, em Natal/RN, próximo ao shopping Midway.

No espaço trabalham e transitam profissionais liberais diversos, como arquitetos, designers, artistas e seus clientes, e possui uma boa rotatividade de pessoas que gostam de arte e apreciaram a primeira exposição fotográfica que foi promovida no espaço em 2020, com obras do potiguar Gileno Escóssia.

A inscrição dos(as) interessados(as) é gratuita e pode ser feita até o dia 5 de março pelo WhatsApp (84) 98114-7400 ou pelo email contato@tocacoworking.com.br. Podem participar fotógrafos amadores ou profissionais com 1 ou até 12 imagens que serão impressas em tamanho A3 e exibidas no modo "varal" durante todo o mês de março. O coworking se responsabilizará pela divulgação e organização da exposição e também pela impressão das imagens que serão doadas aos participantes após o encerramento da exposição.

A curadoria será feita pelo arquiteto e fotógrafo César Henrique e pela artista visual e cantora Andiara Freitas, que administram o negócio há trêsz anos e que atuam na área de locação de espaços compartilhados para trabalho, estudo, cursos, eventos e lançamentos culturais.

 

SERVIÇO
O que: seleção de fotos para exposição no Toca Coworking durante o mês de março/2021
Até quando pode se inscrever: sexta-feira, 5 de março de 2021
Como se inscrever: pelo WhatsApp (84) 98114-7400 ou pelo email contato@tocacoworking.com.br
O que devo enviar na inscrição: a(s) imagem(ns) que quer exibir, além do nome do fotógrafo, nome da foto (se tiver) e o ano do registro (se souber).

 

 

Contato - Cultura no Ponto: ivakaren@yahoo.com.br

Choro no Parque com Chico Bethoven

Fotos: Tiago Lima

Choro no Parque com Chico Bethoven

Oriundo de formação musical de banda de música do interior, o Choro está presente na vida de Chico Bethoven desde o início de sua trajetória musical. Neste domingo, 28, às 16h30, o Som da Mata vai realizar o show "Regional Choro do Elefante", em sua programação virtual. 

Em 2000, Bethoven fundou junto com Francilúzio (violão de 7 cordas),Chumbinho (cavaquinho) e Deo (pandeiro) o Regional Choro do Elefante. Após o 
falecimento de Francilúzio, Fernando Botelho passou a fazer parte do grupo e atualmente o violão de 7 cordas está na mão do multi instrumentista Jubileu Filho. 

No repertório, clássicos que contam a história do gênero essencialmente brasileiro, especialmente obras do potiguar K-Ximbinho, além de outros compositores ícones do Choro.

O projeto Som da Mata acontece graças à renúncia fiscal da Prefeitura do Natal, através da Lei Djalma Maranhão, e do aporte financeiro da Unimed Natal, Arena das Dunas e Uniodonto RN,  além do apoio do Governo do Estado, através do Idema e da Padaria Hora do Pão. 

Show Regional Choro do Elefante 

Plataformas: Instragram (@somdamata) | Facebook (Som da Mata) | YouTube (Som da Mata)

Lançamento: 28 de fevereiro, às 16h30

O Príncipe Feliz volta ao Bosque Encena

Fotos: Tiago Lima

O Príncipe Feliz volta ao Bosque Encena

Nesta manhã de domingo, 28, às 10h, o Príncipe Feliz volta ao Bosque Encena virtual para cantar e dançar os maiores sucessos da música infantil. Um  espetáculo para toda a família! Nos vocais, Décio Santiago, Mirle Silva e Matheus Ricardo; no violão, Kleyton Araújo; na guitarra, Jorge Luis; no teclado, Leandro Leopoldo; no contrabaixo, José Williams e na bateria, Leonardo Rocha. 

O projeto Bosque Encena acontece graças à renúncia fiscal da Prefeitura do Natal, através da Lei Djalma Maranhão, e do aporte financeiro do CEI Romualdo Galvão, Unimed Natal e Espacial Autopeças, além do apoio do Governo do Estado, através do Idema e da Padaria Hora do Pão. 
 

Coletivo Escafandro apresenta a áudio série “A Guerra do AR” neste domingo (28)

Coletivo Escafandro apresenta a áudio série “A Guerra do AR” neste domingo (28)

Em uma Natal pandêmica, num futuro incerto, de profunda degradação ambiental, respirar ao ar livre pode ser fatal. No Brasil, tudo indica que o duelo para presidente será entre a extrema e a extremíssima direita, em ampla escalada pelo mundo. Madame Mint, uma jovem e inteligente ativista virtual, descobre o plano de dominação do governo através do uso do “ar do medo”. É nesse caos que se desenvolve a áudio série “A Guerra do AR”, primeira produção do Coletivo Escafandro e que tem a estreia do episódio piloto nas plataformas digitais marcada para este domingo, 28.

No primeiro episódio d’A Guerra do Ar, quatro gamers solitários se juntam, a convite da misteriosa Madame Mint, para se engajarem em uma guerrilha virtual com o intuito de revelar um esquema de entorpecimento e controle da população. “A gente quis abordar questões da atualidade, relacionadas às crises sanitária, ambiental, política e social que estamos vivendo. Com o distanciamento social, quando apresentações teatrais presenciais ainda não são possíveis, optamos pelo formato de áudio série, que proporciona uma experiência potente tanto para a gente que produz, como para o público já saturado das 'lives'", explica Henrique Fontes, ator e dramaturgo integrante do Coletivo Escafandro. 

Junto com Henrique, a atriz e radialista Elisa Almeida assina o roteiro e a direção, e ambos assumem personagens centrais na trama. O elenco também conta com a atriz e dramaturga Clotilde Tavares, os atores Breno Melo e Thyago Gomes, a atriz Charlotte Duvignaud e com a participação especial das atrizes Quitéria Kelly e Samillys Melo. Toni Gregório, músico e produtor, e Diogo Melo, produtor de áudio, completam o coletivo criando trilhas, sonoplastias e editando toda a série.

“Tem sido um bom desafio realizar esse projeto piloto durante a pandemia. Temos uma equipe muito diversa e não pudemos reunir todo mundo ao mesmo tempo no estúdio, algumas pessoas gravaram em casa com o próprio celular, mas entendemos que mais importante do que a qualidade máxima do áudio é a saúde de todos os envolvidos e a imaginação que podemos despertar com essa história”, afirma Elisa Almeida.

O primeiro episódio ficará disponível a partir das 19h deste domingo, 28 de fevereiro, nos principais agregadores de podcast (Anchor, Spotify, SoundCloud, Google Podcasts). Mais informações podem ser obtidas nas redes sociais do coletivo Escafandro @agueradoar no Instagram e Facebook. O primeiro episódio de “A Guerra do AR” tem incentivo da Lei Aldir Blanc, Funcarte, Prefeitura do Natal, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

 

Contato - Cultura no Ponto: ivakaren@yahoo.com.br

Blogs


Clique aqui e receba nossas notícias gratuitamente!