Cultura no Ponto

Guinza realiza 15ª edição do Encontro de Noivas e Debutantes

Guinza realiza 15ª edição do Encontro de Noivas e Debutantes

Amanhã (29), o Spaço Guinza realiza a sua 15ª edição do Encontro de Noivas e Debutantes, que vai reunir fornecedores, dos mais diversos segmentos de festas, em um só lugar. Este ano, o evento conta com novo formato para garantir a segurança dos participantes. Para evitar aglomerações, a programação contará com dois turnos: das 14h às 17h e das 18h às 22h.

Os participantes devem escolher o horário de sua preferência e fazer a inscrição, que é gratuita, através do Whatsapp 84 98840-4440 (link disponível na Bio do @spacoguinza).

No intervalo entre os turnos, o Guinza irá fazer a desinfecção do local para garantir ainda mais segurança. E mais: todos os participantes deverão usar máscaras. Além disso, será tomada uma série de cuidados para garantir a segurança dos convidados, entre os quais: cabines de desinfecção, dispositivos de álcool em gel espalhados pelo salão e portas separadas para entrada e saída.

Dia 3 de outubro tem “Jorge Aragão na Mesa” em Natal

Dia 3 de outubro tem “Jorge Aragão na Mesa” em Natal

A combinação irresistível de praia e o encontro de bambas de peso vai se concretizar no sábado dia 3 de outubro, na Oktos Cervejaria (Via Costeira), com o show do mestre Jorge Aragão e Mesa Doze. O show “Jorge Aragão na Mesa” (em formato de barzinho) está com ingressos à venda na Bransk do Midway Mall ou através do ingresso virtual no http://outgo.com.br/jorge-aragao-na-mesa. O projeto atende às exigências do Decreto Municipal e haverá somente venda de mesa.

Jorge Aragão é uma das lendas do samba. Fundador da lendária Fundo de Quintal, Aragão volta a reunir sua banda para mandar pérolas de sua autoria, parcerias e releituras de sambas que encantam várias gerações de mestres. Jorge Aragão é um dos maiores compositores do gênero, autor de músicas que estão aí na boca do povo e de grandes intérpretes há mais de 40 anos.

O ex-Fundo de Quintal une poesia em canções de puro romantismo ou bom humor, a exemplo de “Coisa de Pele”, “Identidade”, “Papel de pão”, “Falsa Consideração”, “Eu e Você sempre”, “Moleque atrevido”, “Coisinha do pai”, “Você abusou”, “Loucuras de uma paixão”, “Abuso de poder”, entre outras. Ele já foi gravado por Elza Soares, Beth Carvalho, Alcione, Zeca Pagodinho, Martinho da Vila, entre outros.

Em 2016, os quarenta anos de carreira de Jorge Aragão foram celebrados com o projeto Samba Book, da Musickeria, um box reunindo biografia, DVD, CDs e partituras do mestre. Em 2017, o projeto foi indicado ao Grammy Latino de 2017 de Melhor Álbum de Samba/Pagode.

Programa Nosso Som nas Escolas realizará gincana virtual

Fotos: Divulgação

Programa Nosso Som nas Escolas realizará gincana virtual

O Programa Nosso Som Nas Escolas, edição 2020, promovido pela Green Point Produções e parceiros, realizará pela primeira vez uma gincana virtual que contará com a participação de vinte escolas públicas do estado do Rio Grande do Norte.

O novo formato foi elaborado para preservar a segurança dos participantes envolvidos no projeto, em função da pandemia da Covid-19. Dessa forma, as ações acontecerão no ambiente virtual, regulado pelas novas ferramentas de informação e tecnologia digital.

Poderão participar da Gincana Virtual Nosso Som Nas Escolas estudantes do ensino fundamental ou do ensino médio que estejam devidamente matriculados na rede pública de ensino do estado do Rio Grande do Norte. A proposta inovadora da Green Point Produções de realizar uma gincana virtual possibilita também a ampliação do número de escolas participantes no projeto, que nas versões anteriores contava com dez instituições de ensino, e agora receberá vinte escolas. 

A gincana discorrerá sobre temas ligados à música potiguar, temas acerca dos 28 artistas potiguares participantes do projeto neste ano, e sobre temas relacionados a música norte-riograndense de maneira geral. Os trabalhos e as atividades propostas pelos professores deverão ser realizados em torno das referidas temáticas.

As inscrições poderão ser feitas por meio do formulário disponível no link https://forms.gle/qnvZRs2kfaapzpkr5 até 25 de setembro, para primeira etapa da gincana, e entre o dia 28 de setembro e o dia 2 de outubro para a segunda etapa.

A abertura oficial da Gincana acontecerá no dia 7 de outubro, às 19h, por meio da plataforma Google Meet, com a programação voltada e direcionada exclusivamente para os professores das escolas que estejam envolvidos no projeto.

Durante o período da Gincana os alunos desenvolverão tarefas sobre os artistas potiguares sorteados para sua equipe e sob orientação prévia dos professores. Além dessas atividades, os alunos responderão perguntas que serão realizadas e transmitidas por meio de dez lives nos dias 19, 20, 21, 22 e 23 de outubro e 09, 10, 11, 12 e 13 de novembro, com a participação de artistas potiguares. A live de encerramento da gincana , com a divulgação do resultado final, acontecerá no dia 17 de novembro.

A premiação para os alunos que conseguirem alcançar o primeiro e o segundo lugar será um smartphone e um certificado de premiação e reconhecimento pela participação emitido pelo Programa Nosso Som Nas Escolas. O aluno que ficar em terceiro lugar será premiado com um tablet e com um certificado de premiação e reconhecimento emitido pelo Programa Nosso Som Nas Escolas.

Para o professor que alcançar o primeiro lugar a premiação será um smartphone e um certificado de premiação e reconhecimento emitido pelo Programa Nosso Som Nas Escolas. Para o segundo e o terceiro lugar será entregue aos professores um e-book e um certificado de premiação e reconhecimento emitido pelo Programa Nosso Som Nas Escolas. As escolas vencedoras também receberão  um certificado de premiação e reconhecimento emitido pelo Programa Nosso Som Nas Escolas.

Lei Aldir Blanc - Setor cultural garante participação popular junto ao Governo

Setor cultural se reuniu com Governo e assegurou a participação popular na implementação da Lei Aldir Blanc. A reunião aconteceu após pedido do Fórum Potiguar de Cultura e garantiu a criação de uma comissão que vai adaptar a lei para o cenário cultural local
 

       Após mobilização do setor cultural nos seus diversos setoriais e representações de movimentos sociais o Fórum Potiguar de Cultura (FPC) se reuniu com a governadora Fátima Bezerra, na última quarta-feira (16/09), com intuito de buscar um diálogo mais assertivo junto à gestão de cultura potiguar em relação às minutas, que estão em consulta pública, dos editais da Lei Aldir Blanc e para apresentar propostas que garantam um processo mais participativo do setor cultural na construção dos editais e no processo de destinação das verbas da lei no Rio Grande do Norte. 

        Durante a reunião, a governadora reafirmou seu empenho com a cultura e se comprometeu com diversas pautas apresentadas pelo setor, como a ampliação do período de consulta pública, a revisão do valor para aquisição direita e sua destinação para editais, além de garantir um espaço de diálogo com os segmentos culturais no processo de formulação e emendas às propostas de editais. 

        “Foi uma importante sinalização que indica a vontade política de implementar a Lei Aldir Blanc de Emergência Cultural de forma participativa e que potencialize a cultura potiguar. Um grande passo para que esse recurso chegue na ponta para todos os artistas e trabalhadores da cultura”, afirma Tatiane Fernandes, representante do Fórum Potiguar de Cultura.

           Após a reunião com a governadora, que determinou a criação de uma comissão com representantes do FPC para trabalhar em conjunto com a equipe da Fundação José Augusto, o fórum realizou uma reunião extraordinária, no sábado passado, que gerou uma força-tarefa para criação de proposições para os editais em consulta pública.

        “Essa força-tarefa gerou a sugestão de dois novos editais. Um edital de fomento capaz de atender as linguagens artísticas de forma mais específica e outro que visa redistribuir os recursos de forma a buscar maior equidade junto aos municípios que receberam menos de cem mil reais”, explica Tatiane Fernandes. 

Fest Bossa e Jazz – Home Sessions muda data do evento e anuncia atrações

Fest Bossa e Jazz – Home Sessions muda data do evento e anuncia atrações

Previsto para acontecer nos dias 1º e 2 de outubro, o 2º Fest Bossa & Jazz – Home Sessions divulga as primeiras atrações e altera a data do evento. Agora marcado para 2 e 3 de outubro, em formato híbrido, com apresentações ao vivo via web e com presença de público convidado no Hotel Barreira Roxa – Via Costeira, em Natal-RN, o evento reúne grandes artistas da música. Para o primeiro dia estão confirmados de Dudu Galvão & Samara Alves; Candeeiro Jazz; Ed Motta e Blues Beatles. Os demais nomes serão revelados em breve.

Realizado por Juçara Figueiredo Produções e aprovado pelo programa Djalma Maranhão de Incentivo à Cultura da Cidade do Natal, o projeto conta com patrocínio da Unimed Natal, apoio cultural da Fecomércio RN, SENAC-RN e apoio da Beju Produções. Cerveja oficial: Stella Artois. Com oito lives entre artistas locais, nacionais e internacionais, o Festival terá transmissão pelo canal oficial da Band RN, no YouTube.

Em sua 1ª edição, produzida em abril deste ano, o Fest lançou campanha de arrecadação de fundos para o Instituto Juvino Barreto, junto aos seguidores, público e artistas participantes do Home Sessions, mantendo na versão on-line a preocupação com o impacto social do projeto, especialmente em um momento no qual os idosos estão entre os principais atingidos, devido a pandemia. Já para a 2ª edição, cultivando a mesma filosofia, porém ampliada para o impacto social da música na população potiguar, o Fest Bossa & Jazz – Home Sessions realiza nova campanha de arrecadação de fundos, agora voltado para o projeto Ilha de Música, idealizado e coordenado pelo trombonista, Gilberto Cabral, na comunidade da África, localizada na zona norte da cidade.

Som Sem Plugs promove oficinas audiovisuais para jovens de projetos sociais

A nova ação do Som Sem Plugs será realizada em Natal, Caicó e Mossoró

Você acredita no poder transformador da música? O projeto Som Sem Plugs acredita e muito, por isso está com uma nova ação, “Narrativas Musicais”. O intuito desta vez é proporcionar uma relevante experiência audiovisual para estimular o pensamento e a criatividade entre crianças e jovens de projetos sociais de Natal, Caicó e Mossoró, que atuam com foco na música. A ação dará a oportunidades para que esse público possa contar suas histórias, narradas e dirigidas por eles mesmos.

“Narrativas Musicais” conta com a participação de alunos de música das unidades do SESC RN (Caicó e Mossoró), Projeto Esperança de Mossoró e dos projetos Ilha de Música e Conexão Felipe Camarão, em Natal. O Som Sem Plugs junto com essas instituições parceiras, darão voz para que os jovens possam contar os impactos positivos que a música gerou e/ou gera em suas vidas e consequentemente, nas suas comunidades. Essas histórias serão retratadas através da produção de mini documentários e, tudo isso será apresentado a você, por meio do site, YouTube e redes sociais do Som sem Plugs.

A ação vai acontecer através de oficinas on-line de fotografia, roteiro, além de experiências artísticas via smartphone, ministradas pelo cineasta potiguar e membro da equipe de produção do Som Sem Plugs, Ernani Silveira – especialista em cinema pela UFRN e roteirista pela EICTV-Cuba.

Entenda como “Narrativas Musicais” será desenvolvida. Ocorrerá em quatro momentos: primeiro momento serão realizadas videoaulas, voltadas para crianças e jovens, alunos de iniciação musical, no qual será aplicada uma metodologia expositiva, com conteúdo de roteiro, fotografia e exercício de expressão artística. No segundo momento serão selecionados alunos que irão produzir pequenos filmes (minidocs), relatando o impacto da música e do processo de aprendizagem em suas vidas e em suas respectivas comunidades. Já no terceiro momento, o Som Sem Plugs vai transformar o conteúdo da ação em um documentário a ser exibido via web, além de trechos que serão exibidos em um programa especial na grade da InterTV.

Para encerrar a ação, será realizada uma campanha de doação de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), álcool em gel, alimentos e produtos de higiene pessoal para as comunidades assistidas pelas ONGs/Instituições parceiras. O público vai poder tirar dúvidas, acompanhar as novidades e saber de todas as etapas da ação, pelas redes sociais do Som Sem Plugs (@somsemplugs).

Apresentada por Oi, Cosern e Instituto Neoenergia, a temporada 2020 do Som Sem Plugs tem o patrocínio do Governo do Rio Grande do Norte, através da Fundação José Augusto via Lei Câmara Cascudo e apoio cultural do Oi Futuro. Conta ainda com o apoio da Camaleão Studio, G7 Comunicação, Original Marketing & Eventos, Studio Jota Marciano, Casa Nacre e realização Betapro Foto e Vídeo. Narrativas Musicais – ação sociocultural tem apoio da InterTV e Sesc RN.

Blogs