Cultura no Ponto

Potiguar tem livro aprovado no programa Eu faço cultura

O potiguar Adriano Gomes, professor doutor do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), teve um livro aprovado no programa Eu Faço Cultura.

Até o dia 31 de julho, a obra intitulada "Do tamanho do seu mundo" será distribuída gratuitamente para pessoas que atendam os seguintes perfis: alunos de escolas públicas, beneficiários de programas sociais do governo federal, população de baixa renda, jovens de 15 a 29 anos portadores da Identidade Jovem, idosos, portadores de necessidades especiais e seus acompanhantes e microempreendedores individuais. 

Criado em 2006, o Eu Faço Cultura é um projeto viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura e patrocinado por recursos provenientes do Imposto de Renda com iniciativa da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa (Fenae).

O objetivo é democratizar e impulsionar o mercado cultural. Além de valorizar os artistas locais e amparar o pequeno e médio produtor cultural, o projeto também tem uma missão de responsabilidade social de formar plateias com a população mais afastada do consumo cultural.

O Eu Faço Cultura investe e ajuda a manter vivos milhares de projetos e ações culturais em todo o país como museus, redes e unidades de cinema, fornecedores e editoras de livros, espetáculos de teatro, stand up, musicais, dança e circo.

Até o momento, 114 bibliotecas tiveram os acervos renovados, 387 produtores culturais contaram com o apoio do programa, e foram distribuídos mais 37 mil livros, CDs, DVDs e Blue-Ray, aproximadamente 35 mil ingressos de cinema e mais de 190 mil ingressos de teatro, dança, shows e circo.

Do tamanho do seu mundo

O autismo é o tema da obra na qual Adriano Gomes revela o universo encantado de Dino, um menino mais que especial. É voltado para crianças com idades entre 5 e 8 anos. As ilustrações, todas feitas com a técnica da colagem, são de Aline de Palma.



 

Vem aí o Festival DoSol Sessions com 32 dias de programação online

O festival com conteúdo inédito, online e interativo começa em 5 de maio com com músicas, papos e bastidores da cena potiguar

 

A partir do dia 5 de maio, o Festival DoSol dá início a uma edição especial, que vai até dia 5 de junho. Após algumas semanas de observação e estudo da cena musical durante o isolamento social, e interagindo com profissionais de todo o país, os sócios Ana Morena e Anderson Foca chegaram a um formato de ação que contempla público e equipe.

O Festival DoSol Sessions acontecerá totalmente online e cada dia terá um artista potiguar diferente, que participará de uma live no perfil do Instagram @festivaldosol e terá uma session com duas músicas postadas no Youtube do DoSol (dosoltv). A produção dessas músicas exclusivas fica a cargo de cada artista, que poderá exercer sua criatividade para gravar em casa as faixas escolhidas.

“As sessions pré gravadas pelos artistas são feitas de forma caseira com os recursos que cada um tem disponível em casa. Os que tiverem como mixar e editar, ótimo, mas para quem não tem esses recursos, a equipe do DoSol vai dar o acabamento e deixar o material mais interessante para o público”, explica Ana Morena.

Já a o,utra vertente do Festival que acontece em paralelo, quer dar visibilidade aos profissionais que ficam por trás dos palcos. O DoSol Stories vai dar a cara para mostrar de toda uma equipe que trabalha nos bastidores do festival e de outros projetos culturais do DoSol. Produção, equipe técnica, designers, fotógrafos e documentaristas vão contar sobre o seu trabalho, sua vida e suas histórias. Os vídeos, que também vão ser gravados de forma caseira pelos próprios protagonistas e finalizados pela equipe do DoSol, também começam a ser postados em maio, no Youtube.

“Um ponto que queremos ressaltar nesse período incerto e inédito da vida de quem vive de produção cultural é justamente que cada profissional consiga enxergar sua importância dentro do processo, saiba da sua capacidade e principalmente se sinta plenamente ativo de sua criatividade e execução”, conta Anderson, que tem percebido alguns colegas deixando a tristeza e insegurança tomar conta do momento. A ação irá remunerar todos os envolvidos, sendo a maneira que o DoSol encontrou para ajudar sua equipe de forma mais imediata.

Todo esse material vai deixar mais rico o conteúdo já existente no Youtube do DoSol, que ao longo de mais de 12 anos ativo já possui uma rica coletânea de produções e registros dos mais diversos tipos, não só da cena cultural potiguar como de todo o país.

Segue a programação:

FESTIVAL DOSOL SESSIONS
05/05 a 05/06
www.instagram.com/festivaldosol e www.youtube.com/dosoltv

05/05 – Luiz Gadelha
06/05 – Clara
07/05 – Cazasuja
08/05 – Dusouto
09/05 – Pedro Mendes
10/05 – Simona Talma
11/05 – Aiyra
12/05 – Khrystal
13/05 – Júlio Lima
14/05 – Eliano
15/05 – Sourebel
16/05 – Potyguara Bardo
17/05 – Rafaela Brito
18/05 – Yrahn Barreto
19/05 – Camomila Chá
20/05 – Pretta Soul
21/05 – Varanda
22/05 – Fukai
23/05 – Luísa e os Alquimistas
24/05 – Ananda Krishna
25/05 – Luaz
26/05 – Ângela Castro
27/05 – Luan Bates
28/05 – Dega
29/05 – Caio Padilha
30/05 – Txio Paulinho
31/05 – Zé Canxagá
01/06 – Silvia Sol
02/06 – Black Whitch
03/06 – Hell Lotus
04/06 – Plutão Já Foi Planeta
05/06 – Filipe Toca

Preparem-se para a segunda edição do Pipa Web Festival

Preparem-se para a segunda edição do Pipa Web Festival

Depois da edição inaugural do Pipa Web Festival no início deste mês de abril, mais uma fase do projeto já tem nova data, 27 de abril.

O primeiro evento teve quatro dias de duração (2 a 5 de abril), contou com 22 apresentações, 11 horas de música e reuniu 33 artistas que realizaram pocket shows de 30 minutos em lives transmitidas pelo Instagram. A segunda edição ocorrerá de 27 e 29 de abril, a partir das 19h, e se manterá no mesmo formato, desta vez reunindo 20 músicos em um total de 16 apresentações. 

O Pipa Web Festival é um projeto independente que envolve mais de 30 artistas brasileiros e estrangeiros que vivem na Praia da Pipa (Tibau do Sul/RN) e estão sem poder trabalhar diante cenário de pandemia e quarentena do COVID-19. 

Organizado pela publicitária Xanda Garcia, o festival foi inspirado em outros nos mesmos moldes. Tem como intuito, além de levar música para o público que está em casa, inserir os músicos no universo virtual, abrindo para eles novas possibilidades de atuação.

Para auxiliar financeiramente esses artistas, foi criada uma Vakinha Coletiva e as colaborações podem ser feitas por meio do link bit.ly/ajudemusicosdepipa

Para mais informações sobre o projeto Pipa Web Festival, é só seguir as redes sociais:

Instagram: @pipawebfestival 

Facebook: Pipa Web Festival

YouTube: Pipa Web Festival (https://www.youtube.com/channel/UCDLJ_JxtXj5XaD8k0R7LSxg)

 

Confira a programação completa do festival:

Segunda – 27/04/20

19h Gabriel di Giorgi

19h30 Clara Zaho

20h Daniel e Geraldine

20h30 Ras Barack

21h Tayhana Nogueira

 
Terça – 28/04/20

19h Lara Celi

19h30 DJ Rodz

20h Mayara Mirths

20h30 Duo Afro-che

21h Lu Príncipe e Natalie Rigaud

21h30 Yuri Porto

 
Quarta – 29/04/20

19h Marquinho Barretto

19h30Leandro

20h Projeto Samba Trio

20h30 DJ Guerreiro

21h Pablo Osta

 

Hoje é o penúltimo dia do Pipa Web Festival

Hoje é o penúltimo dia do Pipa Web Festival

Hoje, 4 de abril, é o penúltimo dia do Pipa Web Festival, evento que durante quatro dias leva três horas de música ao vivo para os internautas. Com artistas de inúmeras nacionalidades residentes em Pipa (RN), a programação tem início às 19h em transmissão pela página do Instagram @pipawebfestival.

O objetivo do projeto é também ajudar os músicos da praia nesse cenário de pandemia e quarentena do COVID-19, permitindo outras possibilidades de levarem música, talento e alegria, mesmo de casa, para o público. Nesta edição, 22 músicos participam do Festival em pocket shows com 30 minutos de duração.

A programação deste sábado traz Clara Zaho, Dj Rodz, Lu Príncipe e Natalie Rigaud, Maurício Tavella, Yuri Porto e Marcelo Seixas.

É importante a colaboração do maior número de pessoas com a Vakinha Coletiva que foi criada para ajudar cada um desses artistas do projeto Pipa Web Festival. O link para a contribuição é esse AQUI.

 

Orquestra Sinfônica do RN tem vagas de estágio e contrato para a temporada 2020

A Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte – OSRN abriu processo de seleção de estudantes de música e músicos para atuação durante a temporada 2020. São 20 vagas para estagiários e 10 vagas de contratos especiais para o Projeto Movimento Sinfônico.

As inscrições, tanto para estágio quanto para os contratos, seguem até o dia 19 de março. A audição será realizada no dia 21 do mesmo mês, na Sala de Ensaio da OSRN na Cidade da Criança (Av. Rodrigues Alves). Os interessados em ocupar uma dessas vagas devem acessar o site da Orquestra www.osrn.com.br, conferir o regulamento, preencher a ficha de inscrição e enviar para o e-mail orquestrasinfonicarn@gmail.com

A lista com os nomes dos candidatos inscritos será divulgada no site no dia 20 de março, a partir das 14h. Confira para quais instrumentos as vagas estão distribuídas: violino, viola, violoncelo, contrabaixo, oboé, clarinete, fagote, trompa, trompete, trombone, flauta, percussão e piano.

A OSRN tem o Governo do Estado do RN como seu principal mantenedor. A temporada 2020 tem patrocínio via incentivo fiscal da Companhia Energética do Rio Grande do Norte – Cosern e Instituto Neoenergia, por meio da Lei Câmara Cascudo do Governo do Estado do RN, da Unimed Natal, Hospital do Coração e da Prefeitura do Natal por meio da Lei Djalma Maranhão.

O projeto Movimento Sinfônico é uma realização da OSRN / Fundação José Augusto e MAPA Realizações Culturais e conta ainda com o apoio do Teatro Riachuelo Natal, Opus Promoções, Wish Natal Exclusive Resort, Galeria Fernando Chiriboga, Lado A Design, G7 Comunicação e dos restaurantes Camarões Potiguar, Tábua de Carne, La Cachette e Poti Restaurante.

Bosque Encena traz espetáculo O Príncipe Feliz

Nesta manhã de domingo, 15, às 10h, o espetáculo O Príncipe Feliz volta ao palco do Bosque da Encena para cantar e dançar os maiores sucessos da música infantil.

A peça para toda a família conta com os vocais de Décio Santiago e Mirle Silva, no violão Jorge Luis, no contrabaixo José Willians e na bateria Léo Rocha.

Espetáculo O Príncipe Feliz
Local: Parque das Dunas (Av. Alexandrino de Alencar, s/n – Tirol)
Data: 15 de março (domingo)
Horário: 10h

Blogs

Natal tem noite chuvosa com trovões e relâmpagos