13/04/2019 07:48

"Decepção": Prefeito diz que bancada federal discriminou e prejudicou Natal

"Decepção": Prefeito diz que bancada federal discriminou e prejudicou Natal

O prefeito de Natal Álvaro Dias (MDB) se disse surpreso e decepcionado com a notícia que a bancada federal do Rio Grande do Norte manteve o corte de 70% da emenda que será destinada à construção do Terminal Turístico da Redinha. Com o corte, a emenda que seria de R$ 24 milhões ficou em apenas R$ 8,5 milhões. Para o prefeito, a atitude da bancada foi “discriminatória” e “prejudicou a cidade do Natal”.

“Foi uma decepção muito grande, prejudicou a cidade do Natal, foi um ato discriminatório da bancada, quando o corte linear promovido pelo Governo Federal foi de 20% e eles cortaram 70% da nossa emenda; não tem justificativa”, criticou o prefeito Álvaro Dias em entrevista ao Jornal do Dia, da TV Ponta Negra, nesta sexta-feira (12).

Logo que ficou sabendo do corte na semana passada o prefeito viajou para Brasília e conversou com cada parlamentar para tentar reverter a decisão da bancada. Ele só não conseguiu falar com a senadora Zenaide Maia (Pros) e com o deputado General Girão (PSL).

O prefeito ainda classificou a decisão dos parlamentares como “drástica” e que a população precisa tomar conhecimento. “Eles [os deputados e senadores] vão ser cobrados pelos seus atos, pelo seu comportamento, já que todos eles foram eleitos pelo povo e precisam dar uma resposta e uma justificativa”, disse o prefeito, acrescentando que ainda espera que a bancada federal reveja a decisão e deixe de “penalizar e discriminar a capital do Estado”.